Como investigar e corrigir erros 502, 503 e 504?

Os erros 502, 503 e 504 são alguns dos erros mais comuns ao navegar na internet, mas com esse tutorial, você vai saber o que fazer ao se deparar com eles!

Como resolver o erro 502?

Recarregue a pagina

Muitas vezes ocorre alguma falha na transmissão das informações entre servidores e dispositivos e isso causa o erro 502. Recarregue a pagina e veja se resolve.

Limpar o cache


Em várias situação, limpar o cache do navegador resolve Você encontra essa opção sempre na parte das configurações do seu navegador. Se estiver usando o Google Chrome, use o atalho Ctrl+Shift+R para limpar o cache.

Limpar DNS local


O ideal é limpar o cache DNS se a situação persitir. Como cada sistema tem uma forma diferente de limpar o DNS, confira como fazer a limpeza neste tutorial.

Reinicie o roteador

Reinicie o roteador para renovar a conexão e eliminar problemas de rede que possam impedir o carregamento do site.

Acesse a pagina por outro dispositivo

Use um outro dispositivo, para acessar a pagina desejada e veja se a situação persiste. Reinicie o dispositivo com erro para ver se a situação persiste.

Use um outro site para confirmar se a pagina está realmente fora do ar

Usando o Down for Everyone or Just Me você consegue identificar se o site está fora do ar ou apenas você não consegue acessa-lo.

 

Como resolver o erro 503?

 
Erro de Temas ou Plug-ins

Seus temas ou plug-ins não são capazes de carregar corretamente, resultando em erro. Então, a primeira coisa que você precisa fazer é desabilitar seus plug-ins. Como seu blog está fora ar, você vai precisar acessar o arquivo com as as pastas para fazer a correção. Baixe um cliente FTP como o Filezilla e use ele para acessar seu servidor com as credenciais do Rock Stage.

  1. Uma vez que você tiver acessado os seus arquivos, selecione a pasta public_html > wp-content.
  2. Localize a pasta plugins e clique com o botão direito.
  3. Renomeie ela para plugins_erro. Isso vai desativar todos os plugins de uma só vez.

Em seguida, crie uma nova pasta e com o nome de plugins. Agora você entrar no site WordPress para ver se o erro foi resolvido.
Em caso afirmativo, isso significa que um plug-in instalado em seu website estava causando o erro. As etapas acima desativaram todos os plugins do WordPress.


Agora, para descobrir qual plugin estava causando o problema, você precisa voltar para o seu cliente FTP. Em seguida ir na pasta wp-content e encontrar a pasta plugins_erro e troque o nome dela para plugins. Isso vai trazer todos os plugins de volta para o seu blog. Mas eles vão estar desativados.
Você agora vai fazer o login no painel de Administrador do seu blog e ir na aba de plugins. Você pode ativar seus plugins um por um e visitar diferentes páginas em seu site depois de ativar cada plugin.

pasta de plugins no wordpress

Continue fazendo isso até encontrar o plugin que está causando o erro 503 service unavailable.
Se esta etapa resolveu seu problema, você não precisa seguir o restante das instruções nesta página. Caso contrário, você pode passar para a próxima etapa.

 Desative o seu tema WordPress ativo


Se a desativação dos plug-ins não funcionou e você ainda está tendo o mesmo problema, então você precisa desativar o tema do seu blog. Para isso, novamente, acesse seu servidor usando o cliente FTP e verifique o diretório raiz do seu site.

Agora, vá para o diretório wp-content > themes e localize a pasta do tema do seu blog; o arquivo vai ter o mesmo nome do tema que você usava. Agora, clique com o botão direito sobre ele e escolha a opção “renomear”, fazendo isso o tema vai ser desabilitado. Confira se com isso você consegue acessar seu site.

downloadtheme

Observe que quando seu site voltar, ele pode ter uma aparência diferente porque o WordPress teria instalado um tema padrão no lugar do desativado.

Ativar o debug do Wordpress

Ativando o debug(depuração) do Wordpress vai ajudar a descobrir a causa do erro, já que essa função faz com que os erros de processamento do Wordpress sejam exibidos na tela. Assim fica mais fácil encontrar o componente que pode ter quebrado o seu blog.

Para ativar a função, siga estes passos:

  1. Acesse o FTP do seu domínio.
  2. Abra no editor de sua preferência o arquivo wp-config.php.
  3. Insira o seguinte código no arquivo:
// Habilita modo de debug
define('WP_DEBUG', true);

// Guarda os logs em /wp-content/debug.log
define('WP_DEBUG_LOG', true);

Usando código acima, além de ativar a depuração, também fica guardado em um arquivo de log todos os erros encontrados. O arquivo fica em wp-content/debug.log.


Como resolver o erro 504?

Recarregar a página

O primeiro passo para conferir se o erro realmente existe é recarregar a página. Portanto, pressione a tecla <F5> do teclado ou clique no ícone “Recarregar página” na barra de endereço do navegador. Essa tentativa é importante porque pode ser uma falha momentânea de comunicação. Dessa forma, ao recarregar a página, é possível que o problema não aconteça novamente.

Reiniciar os dispositivos

Uma forma de garantir que o erro 504 não seja local é reiniciar os dispositivos. Isso porque podem ocorrer falhas de comunicação com equipamentos como roteador, switches ou modem, ou qualquer outra dificuldade na comunicação com a rede. Por isso, ao reiniciar esses dispositivos, o problema poderá ser resolvido.

Entretanto, é importante seguir a ordem certa ao religar os equipamentos para que as configurações sejam atribuídas de maneira adequada. Dessa forma, o primeiro que deverá ser ligado é o modem. Após um intervalo de 60 segundos, ligue o roteador e, depois de 2 minutos, o computador, o tablet ou o smartphone.

Testar outro navegador

Outra recomendação é tentar acessar a página por um outro navegador. Essa tentativa é válida porque pode haver algum problema no código do site que não funcione bem em determinado navegador.

Rever as configurações de proxy

É preciso, também, rever a configuração de proxy para quem não utiliza esse recurso de forma automática. Basicamente, o proxy é um servidor que funciona como uma área intermediária entre o computador local e a internet. Dessa maneira, qualquer indisponibilidade do proxy pode causar o problema para carregar um site.

Para verificar ou mudar as configurações, é preciso acessar as “Propriedades de Internet” no Windows. Para isso, acesse o menu "Iniciar > Configurações > Rede e Internet".

Selecione o painel “Status” e a alternativa “Central de Rede e Compartilhamento”.

A seguir, clique no link “Opções da Internet”.

Escolha a aba “Conexões” e clique em “Configurações da LAN”.

Confira se as configurações de proxy estão corretas ou desmarque a seleção “Usar um servidor proxy para a rede local”, se quiser desabilitar o recurso.

Quais são as formas de resolver o erro 504 gateway timeout?

Ao executar tarefas como criar um site ou um blog, por exemplo, é comum que aconteça o erro 504. Ele pode acontecer em novas instalações de CMS, como o WordPress, ou quando o tráfego no site está muito pesado, por exemplo. Portanto, é preciso executar algumas ações para identificar onde está o problema.

Reparar o banco de dados

Uma das razões para o erro pode ser o banco de dados corrompido. Existem alguns plugins que podem ser utilizados para resolver esse problema, como o WP-DBManager, que pode ser baixado gratuitamente no site WordPress.org.

Para reparar o banco de dados, instale o plugin no WordPress. A seguir, acesse o Dashboard e clique na alternativa “Database” > “RepairDB”.

A seguir, clique no botão “Repair” para reparar todo o banco de dados, ou selecione apenas as tabelas desejadas.

O próximo passo é otimizar o banco de dados. Para isso, selecione a alternativa “Database” > “Otimize DB” e, a seguir, clique no botão “Optimize”.

Verificar a configuração do DNS

Outra razão para o erro 504 é a resolução do DNS. É muito comum que, ao mudar o site de provedor, demore algum tempo até que o novo endereço se propague pela internet. Essa demora pode levar até 24 horas em alguns casos.

Isso significa que, durante esse período, pode acontecer de algum usuário tentar acessar o site e não conseguir. Por isso, é preciso esperar até que o novo endereço se propague para que o problema seja resolvido.

Entretanto, é possível verificar se o DNS já está propagado. Existem ferramentas gratuitas na internet que facilitam essa verificação, como o DNSmap. Para verificar, basta digitar o endereço do site na ferramenta e clicar em “Check DNS propagation”.

Conferir as configurações de CDN

O erro 504 também pode ocorrer por falhas na CDN — Content Delivery Network. Basicamente, a CDN funciona como pontos de distribuição de sites. Ou seja, são servidores espalhados por diversas localidades ao redor do mundo e que armazenam cópias dos sites.

Sua finalidade é fazer com que um usuário possa acessar uma página com mais rapidez de acordo com a sua localização. Dessa forma, ao digitar o endereço do site, a conexão é feita na CDN mais próxima do usuário. Entretanto, se ela estiver indisponível, a página não será carregada.

O serviço pode ser facilmente ativado e desativado no WordPress por meio de plugins como o CDN Enabler. Ao utilizar uma CDN externa, o ideal é desativá-la temporariamente para verificar se o problema será resolvido.

Entretanto, se o site estiver indisponível e não for possível acessá-lo pelo Dashboard, será preciso acessar o ambiente por meio de uma conexão FTP com o Filezilla, ir até wp-content>plugins e renomear a pasta cdn-enabler para cdn-enabler-renomear.

 

Com esse tutorial, você vai conseguir resolver os erros mais comuns que podem surgir ao navegar na internet.

Mas ficou alguma dúvida ou ainda precisa de ajuda, pode nos chamar no chat ou no email help@rockcontent.com que vamos te ajudar!